14 de fevereiro de 2014

Você e Eu

Share & Comment
A faixa “Pegação”, uma regravação da dupla mineira Kleo Dibah & Rafael que fala sobre um amor surgido durante a "pegação" e que começa com acordes de ukelele: a música parece ter saído direto do Havaí.

Com esse título, a faixa “Vai ser Gostoso” parece que vai levar o assunto para um lado, mas é mais uma das músicas românticas do disco. O arranjo inovador foi um pedido de Zé Felipe, inspirado em um artista norte-americano que admira, Prince Royce, mais conhecido como o Príncipe da Bachata: 
"Gosto de música romântica, mas queria um arranjo gostoso, que tivesse a percussão inspirada na música latina. Descobri o bachata, um ritmo dominicano proveniente das favelas que vem ganhando muito espaço em toda a América."

Você e Eu traz outras canções inspiradas no ritmo da República Dominicana. Por exemplo, a que abre o disco, “Saudade de Você”. Essa é também a música de trabalho e já está nas redes com um clipe gravado pelo mundo: algumas cenas têm o cantor acompanhado de uma menina linda; em outras, ele está sofrendo de saudade, mandando mensagens pelo celular, enquanto ela roda alguns países da Europa. Ainda seguindo a latinidade, “Tá Bom do Jeito Que Tá” tem até castanholas. 
"Falei com os músicos e produtores que trabalharam no meu disco que não podíamos deixar de lado o sertanejo, que é nossa raiz, mas que devíamos experimentar instrumentos diferentes para sairmos da mesmice", diz o cantor.

As raízes são mais visíveis em canções como “Tá com Saudade”, que já começa com uma guitarra country. Tanto “Você Mente” quanto “Simbora Mô”, apesar de pouco tocada fora do Nordeste, Zé Felipe conheceu através de uma banda de lá chamada Radiola Sertaneja. A primeira é uma balada romântica e a outra parece ter sido feita para o jovem cantor nascido e criado em Goiânia, capital de Goiás, lugar onde é costume abreviar palavras, como "amor" (""). Entre as canções românticas está também “Então Valeu”, uma regravação da dupla de Goiás Fred & Gustavo com arranjo diferente da original, bem a cara de Zé Felipe. “Roubou meu Coração” e “Pagou a Língua” são deliciosamente dançantes e cheias de suingue, com letras extremamente respeitosas.

Para provar que não é preciso pedir licença para cantar canções que homenageiam suas musas inspiradoras, Zé Felipe gravou “Tô Tô”, que brinca com o jogo do amor, sem perder o respeito. Apesar da idade, o cantor já se mostra maduro na explicação: 
"Procurei gravar músicas que não apelam e não falam mal da mulher. Eu me preocupo muito com as letras e prefiro não cantar nada que tenha duplo sentido. Não curto, por exemplo, ver crianças brincando com assuntos que elas não entendem."

Música que dá nome ao disco, Você e Eu foi a última a entrar no repertório e foi aprovada depois de um arrepio: 
"Quando chegou no refrão, eu arrepiei. Já tínhamos gravado todas as outras, mas quando ouvi o autor cantando 'tomara Deus', achei aquilo muito forte e decidi que a música ia dar também nome ao disco."


Com o verso "Foi papai que me ensinou", na canção “Cópia Autenticada”, Zé Felipe brinca que aprendeu em casa a arte do xaveco. Mas em todo o seu álbum de estreia ele mostra que o que ele absorveu mesmo foi o talento para escolher, arranjar e cantar músicas.


DIRETOR DE ARTE / DESIGN: FELIPE HERNANDES
PROJETO: ZÉ FELIPE - VOCÊ E EU
AGÊNCIA: TALISMÃ MUSIC

 
 
 
 
 

Tags:

O Zé Felipe Daily é a sua fonte número 1 e a maior sobre o cantor Zé Felipe. Fundado em 2014, o fã site realiza um trabalho voluntário para apoiar a carreira do goiano e manter os fãs informados e mais próximos do cantor. Confira notícias completas diariamente em nosso site ou redes sociais.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Copyright © Zé Felipe Daily | Designed by Templateism.com