5 de março de 2016

Zé Felipe não teme comparações com o pai, Leonardo

A herança sertaneja fala alto no sangue de Zé Felipe, filho do cantor Leonardo. Os trejeitos estão ali: o jeito de falar, o trimbe ao cantar, até o ar de conquistador. 


O jovem de apenas 17 anos ouve comparações dia sim e outro também. 

“Tenho minha raiz, mas também minha identidade musical! Não rola tanta pressão do meu pai e da família. Todo mundo trilha um caminho diferente”, frisa o cantor. “Ser filho do Leonardo é muito especial, meu ídolo como pai, ser humano e artista”.
Garante ele que teve certeza que seguiria a carreira após cantar no DVD de 30 Anos do pai, com pot-pourri “Te Amo Demais e Coração Espinhado”.


Com um novo álbum a ser lançado em abril e a estreia do clipe de “Não Me Toca”, com participação da funkeira Ludmilla, Zé agora é alvo de comparações com seus amigos universitários, como Lucas Lucco, Gusttavo Lima e Luan Santana. 

“Não me preocupo nem um pouco com as semelhanças. Quando a gente é comparado com alguém que gostamos é uma honra. Sou fã desses caras, bicho!”, fala Zé desfazendo qualquer inimizade que possa vir a ser inventada.

O funknejo com Ludmilla é apenas uma prévia do segundo álbum de estúdio de Zé Felipe, que promete agradar públicos bem distintos. 

“O disco tem música romântica, bachata (ritmo da República Dominicana) e apenas duas versões. As demais são inéditas”, revela ele.

A parceria com a funkeira carioca mostra o quanto esses ritmos populares estão ligados e a recente união entre Lucas Lucco e MC Bin Laden, em nova versão do hit viral “Tá Tranquilo, Tá Favorável”, só reforça a fusão. 

“Na nossa música vale de tudo! Minha união com a Ludmilla mostra o sucesso do pop-funk com o mercado sertanejo”, fala Zé, que conheceu a cantora em um show de rádio e dali em diante se tornaram amigos e estenderam a conexão para música.

Confira a participação de Zé Felipe no Vídeo Show:





FONTE: GShow

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit, sed diam nonummy nibh euismod tincidunt ut laoreet dolore magna Veniam, quis nostrud exerci tation ullamcorper suscipit lobortis nisl ut aliquip ex ea commodo consequat.

0 comentários:

Postar um comentário